Arquivos da Voz do Sabre II

De novo: A Voz do Sabre foi uma seção publicada originalmente no site da Jambô Editora e, posteriormente, na revista Dragão Brasil. A ideia dele era a mesma da Gazeta do Reinado: um “jornal” (no caso um blog de guerrilha) destinado a trazer ganchos de aventura para os jogadores. Enquanto o conteúdo da DB continua disponível para os leitores, o material original foi perdido com as mudanças do website — e estamos aqui resgatando parte desse acervo.

Nesses tempos de quarentena, lançar esse material de novo se tornou um serviço de utilidade pública para os jogadores de BRIGADA LIGEIRA ESTELAR ALPHA*. Alguns dos materiais originais não serão republicados por motivos cronológicos: tentaremos manter os ganchos menos atrelados a um momento específico do cenário para garantir um uso constante deles aos jogadores. Talvez abramos uma exceção para os “tie-ins” de Belonave Supernova no futuro. Talvez.

Ah, sim, a propósito: se vocês usarem esses ganchos em suas mesas de jogo, não se esqueçam de nos contar como foi. Nós gostamos de ver mestres e jogadores compartilhando as suas experiências. De resto, vamos passar a palavra à Fides Antevorte, o codinome que esconde um time de pessoas dedicadas a trazer a vocês os fatos da Constelação sem o filtro da mídia corporativa. Blogs de guerrilha não existem sem motivos. A narrativa é parte de uma guerra.

Mercenários e Asteróides 

Um dos maiores asteroides da Constelação do Sabre, o Mirza-439, localizado no Cinturão de Kuiper do Sistema Solar de Winch, tem sido explorado há doze anos pela Corporação Monastério — proprietária da maior empresa privada de mercenários fora de Gessler, a Estrela Negra Soluções Militares. Envolvidos em vários campos, da metalurgia a bioquímica, a Monastério é uma das maiores fontes de lobistas dentro da Estação Parlamentar, garantindo que o dinheiro sempre vá para as mãos dos nobres certos — e também uma fiel anunciante nos grandes meios de comunicação.

Talvez por isso ninguém tenha falado que a Brigada Ligeira Estelar acabou de cercar o asteroide, aonde há três áreas mascon com sessenta e cinco mil pessoas. Um boato menciona um vírus não-identificado no local, alterando violentamente o comportamento das pessoas; uma estação espacial médica está sendo relocada para o Cinturão.

Os homens da Estrela Negra parecem servir de barreira entre o asteróide e a Brigada, mas no entender deste blog, a Monastério enviou seus mercenários para uma queima de arquivo… 

O Segredo dos Traidores

Um dos capítulos mais obscuros dos tempos da Insurreição Tarsiana foi o colaboracionismo de certos setores de Montalbán quando da invasão do planeta. Ninguém quer enfrentar o desprestígio social — e no caso de nobres, político — representado por essa mancha, mesmo após tantas décadas. 

Mas alguns dos fantasmas da época parecem ter retornado para assombrar a todos: nossas fontes nos informaram de armas misteriosas — estocadas no planeta durante o breve domínio Tarsiano — sob a anuência de nobres locais que decidiram apoiar os invasores. Alguma milícia ainda não-identificada se apossou dessas armas mas, de acordo com essas mesmas fontes, a única forma de desativá-las é trazer o homem que comandou sua programação.

Este homem hoje é um nobre respeitável e ele precisará revelar o segredo de seu colaboracionismo, trazendo uma desonra grave ao seu clã. Ainda não nos foi informada sua identidade, mas se ele não desativá-las, as consequências podem ser catastróficas e mesmo os milicianos não tem ideia disso! Estaremos acompanhando o desenrolar dos fatos e traremos mais notícias assim que elas vierem! Fiquem ligados!

Fé Demais não Cheira bem

Fontes seguras revelaram que a Província de Octobriana, em Alabarda — comandada por um ramo menor do clã Mondragor nesse mundo — está patrocinando ilegalmente mercenários para varrer qualquer dissidência espiritual em seus territórios.

A história só veio à tona por conta de um imbroglio jurídico: o pequeno domínio de Galádria abriga uma comunidade religiosa muito particular, extremamente pacifista e que não quer apelar para a violência; como o Senhor de Domínio local fechou os olhos para a presença de mercenários em seus domínios e, para piorar, os juízes locais estão dispostos a apoiar o direito deles não se defenderem… bem, quem vai proteger essa gente daqueles prontos a transformar nossa nação estelar em uma teocracia?

Pensando bem, quem vai proteger nossa nação estelar quando aqueles que fazem a lei podem voltá-la contra o povo? 

Até a próxima, e que as Estrelas do Universo protejam a todos nós.

* Como estamos passando a nos referir com os materiais pregressos, anteriores ao novo BRIGADA LIGEIRA ESTELAR RPG.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s