Cinco Trilhas Sonoras

Eu gosto de jogar com trilha sonora e sempre contribuí nesse sentido para as sessões de jogo com meus amigos. Quando jogávamos Mekton Zeta pelas madrugadas, naqueles tempos muito idos, eu costumava sempre trazer uma bolsa com LPs e K7s. Algumas trilhas sonoras de animes eram gravadas de CDs emprestados mas em geral o acesso à elas era dificílimo  — salvo se você importasse, a preços proibitivos, algumas poucas trilhas lançadas nos Estados Unidos.

Hoje, é claro, a coisa é diferente e os tempos da banda discada soam tão distantes e enevoados quanto “o tempo em que os bichos falavam” e “a época em que se amarrava cachorro com linguiça” das fábulas infantis. Mas continuo gostando muito de ouvir trilhas sonoras nas minhas sessões de RPG, de acordo com o tema e — quando der na telha — vou soltar algumas sugestões nesse sentido para as suas sessões de Brigada Ligeira Estelar. Vamos começar logo!

Gundam Wing

Essa nunca foi minha série Gundam favorita — mas a trilha sonora instrumental de Kō Ōtani é matadora! O tema The Wings Of A Boy That Killed Adolescence vai colocar os jogadores em um clima de ação chuta-bundas desde o primeiro instante. Os álbuns obrigatórios são os três primeiros — Operation 1, Operation 2 e Operation 3, cobrindo a série em si. O Operation S cobre o OAV Endless Waltz, mas não tem o mesmo brilho. E fuja do catastrófico Operation 4 como a peste: não passa de um caça-níqueis repleto de pouco inspiradas canções pop na voz dos dubladores oficiais. Depois reclamam de quando chamamos os cinco pilotos da série de boy band.

Superdimensional Fortress Macross

Os temas instrumentais de Kentarō Haneda para a série Macross são tão icônicos quanto a série original — se você duvida, tente ouvir ao acaso o tema “Dog Fighter” sem pensar em Hikaru, Roy e companhia voando em seus Valkyries no meio de uma batalha. Essa trilha envelheceu muito bem e ainda impressiona, mas tem um problema: as canções açucaradas de Lynn Minmay, na voz de Mari Ijima, também estão lá — o que pode ser incômodo caso você deixe a trilha rodando durante a sessão de jogo (imagine seus jogadores em uma sequência dramática de ação ao som de “Zero-G Love”). Ajude a si mesmo e faça uma seleção prévia de músicas antes da sessão.

Círculo de Fogo

Pensou que iríamos só ficar com trilhas de anime? Em uma era na qual os produtores impõem aos cineastas trilhas anódinas, feitas para não serem percebidas pelos espectadores, essa pequena maravilha nadou contra a corrente, rendendo uma trilha tão icônica quanto este filme. É um som denso e tenso, perfeito tanto para cenas de ação quanto para as abordagens mais épicas do cenário. Não deixe de colocá-la em sua mesa, especialmente quando tivermos batalhas contínuas. E assim como a péssima continuação deve ser esquecida, também fuja da trilha sonora do segundo filme, na qual remixaram o tema poderoso de Ramin Djawadi com um rap fuleiro…

Synthwave, Chillwave, Vaporwave, etc.

Aqui eu não venho com uma trilha específica. Citando a Wikipedia: “O estilo é principalmente instrumental, e normalmente contém elementos clichê dos anos 80 nas músicas, como baterias eletrônicas, ‘gated reverb’, sintetizadores analógicos (…).” Existem centenas de opções no Youtube para diferentes tons de cena, dos mais calmos e românticos aos mais energéticos e movimentados, passando pelo darkwave para momentos nervosos. Deixo em destaque este aqui, ótimo para cenas de ação, mas podem acreditar: as opções são muitas. Recomendo montar três playlists para o tom de suas cenas e se alternar entre eles. Não atrapalha tanto quanto parece.

Darling of the Franxx

Essa é só para eu não postar coisas possivelmente “nostálgicas” na percepção alheia. Assim como no caso de Gundam Wing, eu também não sou um grande fã da série (e os robôs com expressão facial me irritam, admito). Mas apesar do tema selecionado aqui, no geral esta trilha sonora (espalhada em três CDs) é mais intimista no geral e uma boa escolha para criar um ambiente não-agressivo em certos episódios para seus jogadores. As trilhas de ação tendem a ser mais pontuais e isso até reflete a série original.

E então é isso. Como eu falei, pretendo soltar esse tipo de sugestão de vez em quando, no momento em que der na telha. 

Até a próxima.

2 comentários

  1. Estou ouvindo Operation 1 agora. Que som gostoso de ouvir! Que trilha sonora boa!

    Agradeço pela ótima dica – e gosto de lembrar que “dica” é forma contraída e descontraída de “indicação”.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s